Professora com Covid-19 morre na frente de alunos em aula virtual

A cientista política e professora universitária Paola Regina de Simone faleceu na quarta-feira (2), em Buenos Aires, aos 47 anos, vítima de infecção por covid-19.

Seu caso se diferencia das outras 9,4 mil mortes pela doença registrada na Argentina devido às circunstâncias: ela estava dando aula por videoconferência, através do aplicativo zoom, quando passou mal e desmaiou. Seu marido é médico, mas não estava em casa no momento em que tudo aconteceu. Quando voltou à casa, a professora já havia falecido.

Paola Regina de Simone era professora de Relações Internacionais da UADE (Universidade Argentina da Empresa), uma instituição privada para a qual ela trabalhou durante 15 anos.

A instituição publicou mensagens em suas redes sociais lamentando o falecimento da acadêmica. No entanto, alguns colegas questionam o fato de ela estar dando aulas na quarta-feira, já que asseguram que a UADE tinha conhecimento de que a docente estava infectada pelo coronavírus e apresentava sintomas.

 

 

Revista Fórum

Quinca Remígio

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *