Padre excomungado pela Diocese celebra sua primeira missa na nova Igreja Católica em Cajazeiras

O padre José de Andrade celebrou sua primeira missa como sacerdote da Igreja Católica Apóstolica Brasileira, após a excomungação da Diocese. A celebração aconteceu na quinta-feira (20), na residência de seus pais que fica no sítio Catolé na zona rural de Cajazeiras. (veja o vídeo abaixo).

A celebração que seguiu as orientações das autoridades de saúde, foi presidida pelo bispo da igreja brasileira, Dom Júlio Paiva, da Diocese de Campina Grande e reuniu amigos e familiares.

O padre José de Andrade, que também é conhecido como ‘Padre Jóia’ será o representante da Igreja Católica Brasileira no Sertão da Paraíba e recebeu liberação para exercer seu ministério na região.

O religioso, de 50 anos, que exerceu parte do seu ministério na Diocese de Cajazeiras, de 2002 a 2017, até decidir deixar a Igreja Católica Apostólica Romana e ingressar na Igreja Católica Apostólica Brasileira.

O padre passou pelas paróquias de São José de Piranhas, São Bento e Triunfo, está afastado do ministério sacerdotal desde 2017. Segundo ele, a decisão de trocar de Igreja Católica é recente, mas suas reflexões sobre o assunto vêm desde os tempos de seminarista.

Diário do Sertão

Quinca Remígio

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *