Internados com Covid-19, Cauan deve fazer novo exame, mãe coloca cateter com oxigênio e o pai segue na UTI

A mãe do cantor Cauan, da dupla com Cleber, que foi internada com Covid-19 neste sábado (22), está usando um cateter para ajudar na respiração. A informação foi passada pelo filho, Fernando Máximo, irmão do sertanejo. O sertanejo deve passar por nova tomografia no domingo (23). Já o pai dele, João Luiz Máximo, segue na UTI com o mesmo quadro clínico, em Goiânia.

Segundo Fernando, a mãe está bem, tem andado pelo quarto, se alimentado, mas precisou colocar um cateter no nariz para auxiliar a respiração. De acordo com o último boletim divulgado pela família, ela está na enfermaria e tem cerca de 10% dos pulmões comprometidos. Os exames apontaram uma complicação chamada tromboembolismo pulmonar, quando o sangue coagula no interior de alguns vasos sanguíneos e pode se deslocar dentro dos mesmos.

Já Cauan segue na UTI, com cerca de 60% dos pulmões comprometidos e respirando com a ajuda de uma máscara. O boletim médico apontou que ele teve uma “importante melhora clínica e também dos exames de sangue”.

O pai de Cauan também está na UTI. Ele também respira com a ajuda de uma máscara e os exames não apontaram mudanças significativas. Ele tem cerca de 40% dos pulmões afetados pela doença.

Evolução do Cauan

A infecção desencadeada pelo coronavírus chegou a comprometer 75% da funcionalidade dos pulmões. Após o tratamento na UTI, o quadro foi reduzido para 60%, na terça-feira (18), conforme revelou uma tomografia. Esse quadro se manteve estável no boletim desta sexta-feira.

Os sintomas da Covid-19 se manifestaram em 7 de agosto, com dores no corpo e febre, e, no dia seguinte, o artista recebeu a confirmação da doença. Cauan foi internado no dia 12 de agosto, na Clínica do Esporte. Na ocasião, ele já estava com 50% dos pulmões comprometidos.

Familiares contaminados

O irmão do sertanejo, Fernando Máximo, conseguiu se curar da doença no mês passado, após ficar 10 dias internado numa UTI.

O irmão do cantor é médico e secretário estadual de Saúde de Rondônia. Ele está em Goiânia para acompanhar de perto o tratamento de Cauan.

A namorada do cantor, Mariana Guimarães Moraes, também está infectada. Ela ficou alguns dias com o artista no hospital, sendo observada pela equipe médica junto com ele, mas foi liberada para se tratar em casa assim que Cauan precisou ser transferido para a UTI.

A família divulgou no dia 17 de agosto que o pai de Cauan, João Luiz Máximo, estava com Covid-19. O quadro se agravou e ele foi internado no dia 21 no mesmo hospital em que o filho.

Já a mãe do sertanejo, Shirlei Máximo, testou positivo no dia 19 e foi internada no dia 22. Diferente do marido e do filho, ela está na enfermaria.

 

G1 GO

Quinca Remígio

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *