Cantor é esfaqueado, tenta dirigir até o hospital e morre dentro do carro

O cantor Anderson do Amaral, do Grupo Akisamba, de Guarabira, foi assassinado a facadas na madrugada deste domingo (23), em Sapé, na zona da Mata paraibana. Ele era sobrinho dos artistas Roberto Show e Amaral.

Anderson Amaral teria parado para comprar um espetinho, no Centro de Sapé, mas acabou se envolvendo em uma discussão e foi esfaqueado. Apesar disso, o cantor ainda saiu dirigindo até o hospital, mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo dentro do carro.

Até a publicação desta matéria, ninguém havia sido preso pelo crime.

 

Click PB

Quinca Remígio

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *