Bancários descartam greve na Paraíba

Após a realização de uma Assembleia virtual, os bancários aceitaram as propostas negociadas com os bancos que garantem reposição por dois anos e assim descartaram a possibilidade de greve na Paraíba. O acordo aprovado garante reajuste salarial e abono de R$ 2 mil em 2020, aumento real em 2021, além da manutenção dos direitos da Convenção Coletiva e dos acordos específicos dos bancos públicos.

Para o presidente do Sindicato dos Bancários da Paraíba, Lindonjhonson Almeida o resultado representa uma conquista que superou as expectativas.

“Após diversas rodadas de negociação a categoria finalmente conseguiu manter seus direitos e reajuste frente a conjuntura adversa de pandemia, de crise econômica, desemprego, de um governo de extrema direita e que ataca direitos. Obtivemos êxito com a organizacão e pressão que foi feita nas negociações realizadas em diversas rodadas desde agosto. A Campanha de 2020 foi vitoriosa graças a força que a categoria possui com unidade e mobilização”, explicou.

Confira o resultado da Assembleia Virtual que foi iniciada no último domingo (30) e encerrada na noite desta segunda-feira (31):

Bancos Privados: 97,15%
Banco do Nordeste: 86,39%
Banco do Brasil: 81,73%
Caixa Econômica: 84,66%

 

Click PB

Quinca Remígio

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *