Auxílio emergencial: Caixa paga hoje benefício para 5,8 milhões de pessoas; veja quem recebe

A Caixa Econômica Federal (CEF) paga hoje o auxílio emergencial de R$ 600 (1,2 mil para mães chefes de família) para 5,8 milhões de beneficiários: 3,9 milhões de nascidos em janeiro cadastrados pelo aplicativo, site ou do Cadastro Único do governo e 1,9 milhão do Bolsa Família com NIS de final 9 e que recebem a quinta parcela.

Novos aprovados

Na quarta-feira (26), o Ministério da Cidadania liberou o pagamentos para três novos grupos e 57,3 mil aniversariantes de janeiro vão ter o dinheiro de alguma parcela depositada na Poupança Social Digital criada pela Caixa.

O primeiro grupo reúne as pessoas que se cadastraram nas agências dos Correios entre 8 de junho e 2 de julho. O segundo grupo de novos aprovados inclui os trabalhadores que chegaram a ter o benefício negado mas pediram reavaliação entres 3 de julho e 16 de agosto.

O terceiro e último grupo contempla os que fizeram a contestação entre 3 de julho e 16 de agosto e que chegaram a receber a primeira parcela, mas tiveram pagamento suspenso em agosto.

Entenda o calendário do Ciclo 2 de pagamentos

Os depósitos que começam nesta sexta-feira (28) fazem parte do Ciclo 2 do calendário criado pelo Ministério da Cidadania e incluem o pagamento da quinta, quarta, terceira, segunda e primeira parcelas.

Este ciclo de depósitos em Poupança Social Digital vai até 30 de setembro e separa os 46,4 milhões de trabalhadores por mês de nascimento. Os saques e transferências vão de 19 de setembro a 27 de outubro (veja calendário completo abaixo)

Quem recebe nesta sexta-feira (28) e o que será pago?

  • Será paga a quinta parcela para quem recebeu a primeira parcela em abril
  • Quem recebeu a primeira parcela em maio vai ter depositada a quarta parcela
  • Os que receberam a primeira parcela em junho e até 4 de julho vão ter o crédito da terceira parcela
  • Os aprovados que tenham se cadastrado entre 17 de junho e 2 de julho recebem a segunda parcela
  • Novos aprovados que pediram a contestação por meio da plataforma digital entre os dias 24 de abril e 19 de julho de 2020 ou tiveram o pagamento reavaliado em julho recebem alguma parcela
  • Novos aprovados que se cadastraram em agências do Correio entre 8 de junho e 2 de julho recebem a primeira parcela
  • Novos aprovados que fizeram a contestação entre 3 de julho e 16 de agosto recebem a primeira parcela
  • Beneficiários que tiveram pagamento suspenso e reavaliados em agosto recebem todas as parcelas restantes

Por enquanto, o calendário de pagamentos do auxílio de R$ 600 segue até dezembro com as atuais cinco parcelas, separado por datas para depósitos e saques e pelo mês de aniversário.

 

Uol

Quinca Remígio

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *